#EuDecido ganha os blocos de rua no Carnaval de São Paulo para mostrar que a folia não é convite para o assédio

No Carnaval de 2019, a campanha #EuDecido ganhou corpo (literalmente!) nos blocos de rua de São Paulo. A ilustradora Stephanie Medeiros criou tatuagens adesivas para a campanha encabeçada pelo Free Free, que foram distribuídas antes e durante o feriado. As 3 mil unidades apareceram nos blocos Ritaleena e Acadêmicos do Baixo Augusta, no pré-Carnaval, e nos blocos Explode Coração e Pagu durante a folia.

As tattoos foram uma forma lúdica de conscientizar os foliões da necessidade de se respeitar as diferenças para que a festa não se torne palco de assédio e violência contra a mulher. Essa iniciativa do #EuDecido foi divulgada nas redes sociais com um ensaio que celebrou o poder da mulher sobre o seu corpo e a vontade de curtir as festas de rua como quiserem, com as modelos Camila Anacleto, Suelen Cruz e Naya Moreno. Com styling de Patricia Bressiani, múltiplas cores pintaram os corpos das modelos nas fotos de Marina Nacamuli. E as fotos ganharam espaço nos perfis de figuras importantes do Carnaval, como Cláudia Leitte, que divulgou em seu Facebook para levar adiante a mensagem de conscientização.